Buscar
cheap jordans|wholesale air max|wholesale jordans|wholesale jewelry

Colunas

Matérias Anteriores

Colunas

Entrevista com Yoshitaka Amano (por Sandra Monte)

Entrevista com Yoshitaka Amano (por Sandra Monte)

Por Sandra Monte

Yoshitaka Amano (desenhista de personagens de G Force anime, Vampire Hunter D anime, Final Fantasy II, III games) é um dos grandes nomes dos artistas japoneses da atualidade. Ele faz desenhos e ilustrações diversas para várias mídias, inclusive animes, games, exposições de quadros entre outros trabalhos. O blog Papo de Budega conversou com Yoshitaka Amano sobre seus projetos e história.

Você fez o desenho de muitos animes. Qual foi o seu trabalho preferido? Qual a diferença do desenhos dos personagens do passado e de hoje?
Por algum motivo, eu gosto de Kashaan. Eu não sei porque. Quando comecei, não havia o termo do "desenho de personagens". Nós fazíamos tudo na criação das histórias, desenhando personagens e storyboards. Provavelmente nestes 20 anos o desenho de personagens passou a ser considerado como categoria separada. Esta é a maior diferença que posso me lembrar...

Para qual a mídia que você prefere trabalhar (animes, games, etc)? Você fez ilustrações de Sandman de Neil Gaiman. Há algum outro artista/título que você gostaria de desenhar/ilustrar?

Realmente, não importa a mídia, o que vale é o produto final que é basicamente o mesmo... É só colocar as imagens no papel... Atualmente, estou apreciando a pintura. Não ilustrações, nem imagens para outros meios, mas desenhos próprios. Quanto às ilustrações, eu tenho interesse em fazer algum trabalho de Kyoka Izumi. Suas obras são muito inteligentes. Kyoka Izumi (1873-1939) foi um escritor japonês conhecido por suas novelas e histórias com certa fantasia da estética japonesa tradicional.

Você escreveu Amon Saga e Angel´s Egg. Você teria interesse em escrever outras histórias hoje ou você prefere trabalhar apenas com desenhos e ilustrações?
Eu estou interessado em criar minhas próprias histórias, mas estes dias, não é apenas uma história ou uma ilustração. A indústria tende a pensar em tudo como um pacote. Os livros, películas, jogos, brinquedos, etc., não são considerados separados, mas como extensões uns dos outros. Assim eu estou interessado em criar um “conceito básico” que pode ser aplicado em meios diferentes.

Qual foi o mais difícil de fazer?
Cada projeto tem com seu próprio desafio, cada qual com sua dificuldade. De vez em quando, encontro dificuldade que eu não esperava... Eu não pensei no desafio que o formato dos quadrinhos tem para mim. Eu tento criar uma imagem como uma entidade individualmente formada mas nos quadrinhos, cada imagem tem que ser conectada a uma idéia antes. Eu resisti muito... Assim, eu diria Aman Saga, meu trabalho no formato de quadrinhos foi o mais difícil para mim.

Você tem algum "ritual" quando começa uma ilustração?
Não.. nenhum... É como uma segunda natureza para mim. A cada dia, eu apenas vou à mesa e começo trabalhar.

Você gostaria de fazer uma exposição no Brasil ou outro país da América Latina em especial?

Sim, claro! Convidem-me.

Você conhece artistas brasileiros ou latinos? Você gostaria de conhecer o Brasil?
Eu amo a Bossa Nova e ouço frequentemente quando eu estou trabalhando. João Girberto, Barden Powell, Antonio Carlos Jobin, etc... Eu não sei muito sobre os artistas mais novos. Na arte, há um rapaz brasileiro, que faz instalações baseadas em trabalhos de arte historicamente famosos. Eu não lembro seu nome, mas eu acho bem interessante.

Você queria passar algo em especial quando permitiu o vídeo do site 1 up?
Não.. A idéia era mostrar minha rotina diária, apenas isso.

Você tem algum sonho?

Algum dia, eu gostaria de fazer um grande mural. Alguém poderia me dar a oportunidade e o lugar?

Você teria alguma consideração final?
Não... não tenho nenhuma.

Muito obrigada pela entrevista

Voltar



Este site está sob a licença Creative Commons, exceto aonde explicitamente descrito.