Buscar
cheap jordans|wholesale air max|wholesale jordans|wholesale jewelry

Colunas

Matérias Anteriores
"Os Pinguins de Madagascar" entra na grade regular da Nickelodeon

"Os Pinguins de Madagascar" entra na grade regular da Nickelodeon

Uma boa notícia para os fãs dos pinguins de "Madagascar". Após ter quatro episódios exibidos em junho pelo canal pago Nickelodeon, a série de animação "Os Pinguins de Madagascar" entra agora na programação regular do canal.

Originária do filme "Madagascar", que havia exibido um curta sobre os pinguins nos extras do primeiro longa, a série retrata os personagens Capitão, Kowalski, Rico e Recruta, sempre metidos em algum plano mirabolante.

Produzida pelo estúdio de animação Dreamworks, a série acompanha as aventuras do esquadrão de elite do zoológico do Central Park, em Nova York.

"Os Pinguins de Madagascar" estreia na próxima segunda-feira (10), às 18h. A série irá ao ar pela Nickelodeon de segunda a sexta-feira, no mesmo horário. (com informações da FSP)

"A Era do Gelo 3" já faturou mais de R$ 70 milhões no Brasil

Primeiro a notícia do Cineclick, volto depois.  A Era do Gelo 3 já levou 8,3 milhões de pessoas aos cinemas brasileiros e pode se tornar uma das maiores bilheterias de todos os tempos no país.

Em cinco semanas em cartaz, o longa animado de Carlos Saldanha ultrapassou Homem-Aranha 2, que teve, em 2004, 7,7 milhões de espectadores, ficando atrás somente de Titanic, que mantém a liderança com público de 16,3 milhões. Nas bilheterias, A Era do Gelo 3 rendeu mais R$ 3,8 milhões neste fim de semana, com acúmulo de R$ 73,6 milhões.

Voltei! "A Era do Gelo 3" se deu bem no Brasil num quadro praticamente sem concorrência animada vinda da DreamWorks ou da Disney. Aliás, até agora não deu para entender qual é a estratégia da Disney em lançar "UP - Altas Aventuras" somente em setembro. Dito isso, a boa nova é que "A Era do Gelo 3" está realmente tendo uma propaganda boca-a-boca positiva. Bom para a Blue Sky e Carlos Saldanha.

Voltar



Este site está sob a licença Creative Commons, exceto aonde explicitamente descrito.