Buscar
cheap jordans|wholesale air max|wholesale jordans|wholesale jewelry

Colunas

Matérias Anteriores
Canal Animax perderá animações até 2011

Canal Animax perderá animações até 2011

Os sinais eram claros. Um canal que antes era popular pelas animações japonesas não pode ir adiante dividindo a grade de programação com reprises de séries exibidas antes pelo canal Sony - caso de "That´s 70´s Show". Com séries animadas como "Bleach" ainda para estrear, fica a dúvida sobre o futuro dessas produções.

A partir de março de 2011, acontece a segunda fase da mudança do canal Animax, que está deixando de ser um canal focado em animês para ser focado no público jovem, de 14 a 24 anos. Os desenhos japoneses, que atualmente estão restritos à programação diurna, deixarão a grade em definitivo.

Desde maio de 2010, a programação está mais focada no jovem, com séries e programas musicais. “É um canal de entretenimento geral, para o jovem. Na segunda fase, teremos ainda mais música, mais live action e mais reality shows”, conta a vice-presidente sênior e gerente geral do Grupo Sony Pictures Television (SPT) na América Latina, Klaudia Bermudez. (com informações de Tela Viva)

A Lenda dos Guardiões ganha trailer

Confira o trailer de Legend of the Guardians: The Owls of Gahoole, uma das animações mais aguardas fora do núcleo Disney-Pixar-DreamWorks.

Katzenberg faz nova defesa do 3D

Sim, ele  de novo! Jeffrey Katzenberg, o chefão da DreamWorks Animation, participou da 3ª 3-D Entertainment Summit, onde fez nova defesa aos produtores e exibidores de 3D estereoscópico. O custo do ingresso para um filme em 3D é mais caro que um 2D, logo, é importante que Hollywood produza filmes que sejam realmente bons usando a técnica.

Ele não deixa de ter razão. Filmes como "Fúria de Titãs" e "Alice no País das Maravilhas" não foram feitos espeficificamente para a técnica do 3D. O resultado na tela é perceptível e o público muitas vezes se sente enganado. Confira a repercussão das falas de Katzenberg no LA Times e no San Fernando Valley.

Euro Marvel na França?

A Disney obteve uma extensão de 20 anos do governo francês para continuar desenvolvendo o terreno onde construiu o Disneyland Resort Paris. Pelo novo acordo, os parques Disneyland Paris, Walt Disney Studios, hotéis e centro de entretenimento poderão ganhar ampliações. Entretanto, a boa nova é que houve um papo (nada confirmado) de que a Disney poderá investir no futuro em um terceiro parque - dedicado exclusivamente aos super-herois da Marvel. É esperar para ver.

Voltar



Este site está sob a licença Creative Commons, exceto aonde explicitamente descrito.