Buscar
cheap jordans|wholesale air max|wholesale jordans|wholesale jewelry

Colunas

Matérias Anteriores
Confira nova prévia de "Wall-E"

Confira nova prévia de "Wall-E"

Olá pessoal, não sei o que aconteceu mas as notas de ontem sumiram. Transcrevo abaixo as notícias que "sumiram" com atualizações.

O site Slash Film disponibilizou uma nova prévia de "Wall-E" com 4 minutos de duração. É possível ver trechos inéditos com cenas românticas e cômicas.

Outro destaque é a capa do CD com a trilha sonora de Thomas Newman e brinquedos, que podem ser vistos visitando o fórum AnimationS.

Animação de Burton em horário nobre

A animação "A Noiva Cadáver" de Tim Burton foi escalada pelo SBT para a sessão noturna de filmes do próximo domingo "Oito e Meia no Cinema" (que ultimamente tem começado às 22h). Como a emissora tem o costume de trocar filmes e horários, é bom ficar atento.

Presidente da Disney conta novidades em entrevista

O presidente da Disney, Bob Iger, concedeu entrevista a revista Fortune onde contou mais sobre as novidades da empresa. Entre os tópicos, ele discute uma tentativa antiga da Disney comprar o portal Yahoo (atualmente querendo ser comprado pela Microsoft) e seu relacionamento com o chefão da Apple e ex-chefe da Pixar Steve Jobs (atualmente o maior acionista da Disney).

Bob Iger também fala das novas produções para televisão focadas nos jovens como "High School Musical", "Hannah Montana", entre outros; além do impacto e desafio de Mickey Mouse para as novas gerações. Para quem lê inglês, a entrevista é bastante curiosa.

E falando em novidades Disney, o parque temático Walt Disney Studios Paris (parte do Disneyland Paris Resort) inaugurou semana passada sua versão da Torre do Terror (inspirada na antiga série "Além da Imaginação"). A inauguração foi um espetáculo com projeções no prédio da atração, o Hollywood Tower Hotel. Você pode ver um video com os melhores momentos aqui (link do youtube), mas há diversos videos com a cerimônia inteira.

Depois da Venezuela, "Os Simpsons" sofrem pressão na Argentina

Com informações da agência EFE:

O organismo governamental argentino que regula as transmissões de rádio e TV rejeitará o pedido de um ex-deputado para que seja proibida a exibição de um episódio da série "Os Simpsons" no qual o três vezes eleito presidente do país Juan Domingo Perón foi qualificado de "ditador".

A afirmação foi feita hoje pelo presidente do Comitê Federal de Radiodifusão (Comfer), Gabriel Mariotto, que considerou que seria "uma irracionalidade pensar atualmente em repressão ou censura", em declarações à "Radio Continental", de Buenos Aires. O pedido foi feito por Lorenzo Pepe, ex-deputado do governante Partido Justicialista (peronista) e atual secretário-geral do Instituto Juan Domingo Perón.

Ao solicitar ao Comfer que evite a exibição do episódio, Pepe também explicou que, no capítulo, são atribuídos ao Governo de Perón "desaparecimentos" de pessoas que, na realidade, ocorreram durante a última ditadura militar (1976-1983).

"Foram muitos anos sofrendo no exílio. Por favor, peço publicamente ao titular do Comfer que arbitre as medidas para evitar que esta sociedade continue sendo envenenada", afirmou Pepe.

Ao difundir a notícia, a imprensa de Buenos Aires lembrou que o Governo do presidente venezuelano, Hugo Chávez, obrigou a retirar "Os Simpsons" da grade de programação de um canal privado da Venezuela por considerar que a série é "uma má influência" para crianças e adolescentes. Juan Domingo Perón (1895-1974) foi eleito presidente da Argentina em três ocasiões (1946, 1951 e 1973) e fundou o Partido Justicialista (peronista), atualmente no poder e que foi protagonista da vida política do país nos últimos 50 anos.

O pedido do ex-deputado Pepe se refere ao 10º episódio da 19ª temporada da série de TV americana, que ainda não foi exibido na Argentina, e os protagonistas da piada são Carl Carlson e Lenny Lennard, colegas de trabalho de Homer Simpson.

"Eu realmente gostaria de uma ditadura militar como a de Juan Perón. Quando ele sumia com você, você continuava desaparecido", afirma Carl em um diálogo com Lenny, que responde: "Além disso, sua esposa era a Madonna", cantora americana que interpretou a segunda mulher do político argentino, Eva Duarte, no filme "Evita".

Lorenzo Pepe negou ter "pedido que seja aplicada a censura" em "Os Simpsons" e disse que o que solicitou ao Comfer "é que se sirva das ferramentas legais que estiverem a seu alcance para evitar que este golpe à cultura e à história argentina cause um dano à sociedade".

"Não poderia pedir que se aplique a censura porque eu sei o que é isso. Sei o que é estar proscrito. Seria um despropósito", declarou o ex-legislador à edição digital do periódico local Perfil. "Não posso rir dos mortos nem do sangue derramado", acrescentou.

"Os Estados Unidos têm um total desconhecimento da história latino-americana. E se foi uma ironia, deveriam perceber que há coisas com as quais não se fazem piadas. Os desaparecidos são uma cicatriz que ainda permanece aberta."

Voltar



Este site está sob a licença Creative Commons, exceto aonde explicitamente descrito.