Buscar
cheap jordans|wholesale air max|wholesale jordans|wholesale jewelry

Colunas

Matérias Anteriores
Confira a crítica e a repercussão de "Wall-E"

Confira a crítica e a repercussão de "Wall-E"

Atualização (29/06) - "Wall-E" liderou o raking de bilheteria nos EUA e Canadá faturando US$ 62,5 milhões, segundo resultados estimados. Esse valor é o suficiente para equiparar a estréia com "Monstros S.A." como a terceira maior estréia para a Pixar, superando "Carros" e "Ratatouille". Outro fato inédito é que pela primeira vez na história dois filmes estrearam com valores acima de US$ 50 milhões num fim de semana. O segundo colocado foi de "O Procurado" estrelado por Angelina Jolie, que faturou US$ 51 milhões.

Nesta última sexta estreou nos cinemas norte-americanos e brasileiros o mais novo filme da Pixar, "Wall-E". E o filme está fazendo bonito nas bilheterias. Segundo resultados estimados, apenas na sexta a animação faturou US$23,3 milhões - o que lhe dá cacife para faturar algo em em torno dos US$ 65 milhões no fim de semana de estréia. Se atingir este valor, será a terceira maior bilheteria de estréia para um filme animado original (sem ser continuação), atrás somente de outros filmes da própria Pixar, "Procurando Nemo" e "Os Incríveis".

"Wall-E" também ganhou elogios de praticamente todos os críticos cinematográficos listados pelo site Rotten Tomatoes. A variação positiva tem sido entre 97% e 98%. A boa recepção da crítica e possivelmente do público nos próximos dias pode incentivar a Disney e a Pixar a planejarem uma campanha para que "Wall-E" seja indicado ao Oscar de Melhor Filme (e não estamos falando da categoria de animação) em 2009. Apenas "A Bela e a Fera" conseguiu a indicação em 1991.

No Brasil, os críticos também foram positivos com "Wall-E". Isabela Boscov da revista Veja comentou: De todas as produções da Pixar até aqui, Wall-E é a primeira a ter uma "mensagem" explícita, e bem chegada ao conteúdo educativo. Como tal, ela não tem nada de particularmente brilhante ou revolucionário – em resumo, o filme quer ensinar às crianças que atulhar o planeta de lixo não é uma boa idéia. Traduzido em imagens, porém, esse ensinamento da cartilha ambiental ganha outra força: aquela silhueta imponente de uma megalópole que se vê a distância, e depois cada vez de mais perto, não é feita de edifícios, e sim de torres de lixo – um colossal ferro-velho, pacientemente compactado por Wall-E no decorrer de sete séculos de solidão, e que não adianta descrever. Ele foi feito para ver.

Já Pedro Butcher, da Folha de S. Paulo, disse: Um certo frisson ronda o lançamento de "Wall-E". Mesmo que as primeiras reações à nova animação da Pixar tenham sido positivas, não se sabe ao certo como o público vai reagir a um filme com poucos diálogos, sem qualquer rosto ou voz facilmente reconhecível, e que tem como temas duas canções do musical "Hello, Dolly!" ("Put on your Sunday Clothes" e "It Only Takes a Moment").

Você pode conferir a crítica do Animagic sobre "Wall-E" e, além disso, três páginas com informações cedidas pela Disney sobre os bastidores do filme - tudo no formato Por Trás da Mágica.

"Presto" presta!

Desculpe pelo trocadilho infâme do título da nota, mas foi só para fazer uma mini resenha do curta-metragem de animação que a Pixar exibe antes de "Wall-E" nos cinemas. "Presto" é um dos mais divertidos curtas feitos pela Pixar apostando na rivalidade de um mágico e seu coelho. Boa direção de arte, ótima animação e gags divertidas (algumas até violentas para o padrão disney-pixariano). A direção é de Doug Sweetland. O curta é claramente influenciado pelos antigos desenhos da Warner Bros. (especialmente os de Tex Avery). É mais uma prova que os curtas funcionam perfeitamente no cinema. Assista 30 segundos de "Presto" aqui.

"Bolt" ganha novo subtítulo

Segundo David Santos, que conferiu o trailer de "Bolt" em sua ida ao cinema, o título do filme sofreu alteração. "Antes da sessão de Wall•E, o único trailer exibido foi de BOLT. Editaram os nomes de Travolta e Miley (claro, as cópias legendadas serão raríssimas) e na verdade, mudaram o subtítulo para BOLT - SUPERCÃO. Antes o título do filme era "Bolt - Um Cão fora de Série".

Datas de lançamento

"Coraline" do diretor Henry Selick deve ser lançado na sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009. Já a animação da DreamWorks, "Monsters Vs. Aliens" deve ficar para 3 de abril de 2009.

Voltar



Este site está sob a licença Creative Commons, exceto aonde explicitamente descrito.