Buscar
cheap jordans|wholesale air max|wholesale jordans|wholesale jewelry

Colunas

Matérias Anteriores
Aparições de Steve Jobs resultam em boatos sobre sua saúde

Aparições de Steve Jobs resultam em boatos sobre sua saúde

Os boatos por conta da saúde de Steve Jobs têm resultado em artigos nos principais veículos de comunicação dos EUA e já chegou ao Brasil. A revista Veja publicou um sobre o asssunto:

A saúde de Steve Jobs – o homem que comanda a gigante de tecnologia Apple e face mais conhecida da empresa – preocupa a indústria e também os investidores da companhia. Segundo reportagem publicada nesta sexta-feira pelo jornal The New York Post, há especulações em torno da perda de peso e do menor vigor físico do empresário, responsável por sucessos como o iPod e o iPhone.

Os boatos tiveram início há cerca de um mês – e só cresceram desde então. Na ocasião, Jobs, de 53 anos, apareceu bem mais magro do que o habitual em uma conferência anual de desenvolvedores da Apple. A empresa alegou que ele estava apenas tomando antibióticos.

O mercado e investidores receiam, porém, o reaparecimento do câncer pancreático curado há quatro anos. Além disso, persiste a lembrança de que, no passado, a empresa omitiu informações sobre a doença de Jobs, só se pronunciado quando ele já havia retirado o tumor no pâncreas. Para piorar a situação, a Apple não teria plano de sucessão de seu CEO.

Além de manda-chuva da Apple, Steve Jobs também foi presidente da Pixar Animation Studios. Em 24 de janeiro de 2006 vendeu o estúdio para a Disney (agora presidida por Bob Iger) por US$ 7,4 bilhões, tornando Jobs o maior acionista da corporação com 7% de participação e membro do conselho de admnistração. Abaixo de Jobs, os maiores acionistas são o ex-presidente Michael Eisner (1,7%) e o atual diretor emérito Roy E. Disney (1%).

Voltar



Este site está sob a licença Creative Commons, exceto aonde explicitamente descrito.