Buscar
cheap jordans|wholesale air max|wholesale jordans|wholesale jewelry

Colunas

Matérias Anteriores
"Wall-E" vence Oscar de Melhor Filme de Animação

"Wall-E" vence Oscar de Melhor Filme de Animação

Atualização 23/02: Já está no You Tube vídeo mostrando Hugh Jackman e Jennifer Anniston entregando o Oscar de Melhor Animação. Vale citar também que o animador Ollie Johnston foi lembrado na homenagem aos falecidos.

O Animagic acompanha ao vivo a festa do Oscar. As duas premiações para animação já foram entregues pelo casal Jennifer Anniston e Jack Black. Ambos trabalharam em animações emprestando suas vozes para os filmes "O Gigante de Ferro" e "Kung Fu Panda", respectivamente. Jack Black teve uma boa piada dizendo que pega todo o dinheiro ganho na DreamWorks e aposta tudo na Pixar. Na platéia, o chefão Jeffrey Katzenberg riu.

O Oscar de Melhor Filme de Animação foi para a barbada "Wall-E" (dirigido por Andrew Stanton) da Disney/Pixar. Até então a animação só havia perdido uma grande premiação (o prêmio Annie).

O Oscar para Melhor Curta Metragem de Animação foi para a animação japonesa "La Maison en Petits Cubes" do diretor Kunio Kato. Vale lembrar que a cerimônia deste ano está exibindo montagens de todas as produções do ano. Para animação foram exibidas cenas de "Horton e o Mundo dos Quem", "Space Chimps - Micos no Espaço", "Madagascar 2" e até mesmo "Star Wars - The Clone Wars, cujos produtores não inscreveram para a qualificação do Oscar. Se tivessem feito isso seriam cinco e não três finalistas.

Atualização pós-show: "Wall-E" perdeu nas categorias técnicas, de roteiro e de trilha sonora. Aliás, esta última completamente estranha com apenas três indicações. Cadê a música do Bruce Springsteen? Outra grande surpresa da noite foi na categoria de Melhor Filme Estrangeiro (ou de Lingua Não-Inglesa para ser mais exato). O favorito era o documentário animado "Valsa com Bashir". Venceu o filme japonês "Departures" de Yoshiro Takita.

Na categoria de Efeitos Visuais deu "Batman - O Cavaleiro das Trevas".

Para terminar, Hugh Jackman foi razoável na apresentação (não fedeu nem cheirou), ainda que os grandes números de produção (uma boa surpresa para quem gosta de musicais) tenham sido seu ponto algo. Fora isso ele não teve nenhum trabalho. A cerimônia em si foi quase toda previsível e chata (como quase todo ano), mas um detalhe legal foram os cenários muito bem bolados neste ano e a presença da orquestra no palco. Destaque negativo: o Jerry Lewis ganhando por benemérito e não por carreira foi ultrajante.

É isso! Vamos agora ficar de olho nos filmes de 2009.

 

Voltar



Este site está sob a licença Creative Commons, exceto aonde explicitamente descrito.